31/1/2017

Solange Sólon Borges

O documento-base sobre a elaboração da estratégia nacional de implementação da Contribuição Nacionalmente Determinada (NDC) brasileira, no contexto do Acordo de Paris, está aberto a contribuições até março deste ano.

Basta preencher o formulário disponível e enviá-lo ao endereço eletrônico ndcdobrasil@mma.gov.br e as contribuições serão repassadas ao Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas e às Câmaras Temáticas, no processo de Diálogos Estruturados.

O texto contempla áreas temáticas da NDC, como biocombustíveis, florestas, agropecuária, indústria, transportes e setor elétrico.

Para o secretário de Mudanças Climáticas e Qualidade Ambiental do MMA, Everton Lucero, o objetivo do documento é balizar as discussões com vistas à elaboração da Estratégia Nacional de implementação e Financiamento da NDC. As ações previstas devem mobilizar recursos entre R$ 890 bilhões e R$ 950 bilhões até 2030. Em sua avaliação, a projeção reforça a necessidade de reorientação do projeto de desenvolvimento nacional com vistas à consolidação de uma economia de baixo carbono no longo prazo.



Últimas da Imprensa

ver mais dados da imprensa
x